29 de outubro de 2013

Resenha: 'A desconstrução de Mara Dyer' da @GaleraRecord



Editora: Galera Record
Autora: Michelle Hodkin
Páginas: 378
ISBN: 8501098582
Publicação: 2013

Série Mara Dyer
1- A Desconstrução de Mara Dyer (2013);
2- The Evolution of Mara Dyer (ainda não lançado por aqui);
3- The Retribution of Mara Dyer (previsão de lançamento em inglês em 2014)



Sinopse

Um grupo de amigos... Uma tábua ouija... Um presságio de morte. 

Mara Dyer não estava interessada em mensagens do além. Mas para não estragar a diversão da melhor amiga justo em seu aniversário ela decide embarcar na brincadeira. Apenas para receber um recado de sangue. 

Parecia uma simples piada de mau gosto... até que todos os presentes com exceção de Mara morrem no desabamento de um velho sanatório abandonado. 

O que o grupo estaria fazendo em um prédio condenado? 

A resposta parece estar perdida na mente perturbada de Mara. 

Mas depois de sobreviver à traumática experiência é natural que a menina se proteja com uma amnésia seletiva. Afinal, ela perdeu a melhor amiga, o namorado e a irmã do rapaz. 

Para ajudá-la a superar o trauma a família decide mudar para uma nova cidade, um novo começo. 
Todos estão empenhados em esquecer. E Mara só quer lembrar. 

Ainda mais com as alucinações - ou seriam premonições? - Os corpos e o véu entre realidade, pesadelo e sanidade se esgarçando dia a dia. 

Ela precisa entender o que houve para ter uma chance de impedir a loucura de tomá-la.... 



Ultimamente ando elogiando demais a Galera Record e quando eu acho que vou parar... dar uma trégua... e me pego pensando: 'Não podem lançar tantos livros bons assim'... Eu mordo a língua e passo mais uma madrugada com a cara enfiada num livro deles e sem conseguir largar o danado!!

Eu me apaixonei pela capa deste livro e quando a editora o disponibilizou, não pensei duas vezes em pedi-lo. Mas o nome era estranho e eu não tinha lido a sinopse...

Demorei uma semana para pegar e quando comecei... não deu para parar...

Primeiramente quero logo te dizer que ele não é um romance. Ele é um suspense maravilhoso daqueles que te fazem parar de respirar em certos parágrafos e em quase todos os finais de capítulo você sente um frio na barriga.

A autora Michelle Hodkin é uma danada. 

Sabe por quê? 

Porque ela usa uma técnica de escrita chamada cliffhanger para terminar seus capítulos.

Não sabe o que isso significa? Então lá vai!! 

"Cliffhanger, na tradução literal para a língua portuguesa “à beira do precipício”, ou “à beira do abismo”, é um recurso de roteiro utilizado em ficção, que se caracteriza pela exposição do personagem a uma situação limite, precária, tal como um dilema ou o confronto com uma revelação surpreendente. Geralmente, o cliffhanger é utilizado para prender a atenção da audiência e, em casos de séries ou seriados, fazê-la retornar ao filme, na expectativa de testemunhar a conclusão dos acontecimentos." via Wikipédia.

Pois é... entenderam como cada capítulo termina?? Haja coração minha gente...

Então, apesar de ser um suspense ótimo "A Desconstrução de Mara Dyer' também tem romance e uma pitada bem dosada de terror.

E ele tem também elementos que a gente já conhece e ama de paixão: 

·         uma adolescente desajustada, mas de personalidade forte;
·         um carinha lindo com um corte de cabelo rebelde que usa uma calça jeans deliciosa;
·         uma família gracinha que enfrenta mundos e fundos para serem felizes;
·         um melhor amigo gay que faz a mocinha se sentir bem nas horas infelizes;
·         uma escola que é o palco para coisas estranhas acontecerem
·         irmãos fofos e gentis;
·         aquela garota vaca que persegue os fracos e oprimidos... 

Afff... e isso AINDA NÃO É TUDO!!

A trama é original e juro pra vocês que o final me deixou maluca de ansiedade já que eu não percebi em momento nenhum o rumo que autora daria para história!!

Rachaduras apareceram nas paredes da sala de aula conforme umas vinte cabeças se voltaram na minha direção. As fissuras dispararam para cima, cada vez mais altas, até que o teto começou a desabar. Minha garganta ficou seca. Ninguém disse nada, muito embora a sala estivesse coberta de poeira, muito embora eu achasse que fosse sufocar.Porque não estava acontecendo com mais ninguém. Só comigo. 

Sabe aquele medinho que muitos suspenses trazem? Eu senti... e olha que sou durona pra essas coisas, mas a o enredo é muito bem trabalhado e mescla cenas hilárias e bizarras, românticas e sarcásticas, obscuras e fofas...

Não iria admitir que pensei ter visto a sala de aula desabar assim que entrei nela. Ou que meus amigos mortos tinham reaparecido, cortesia do meu transtorno de estresse pós-traumático. Desde que havíamos nos mudado, eu estava livre dos sintomas. Fui ao enterro dos meus amigos. Empacotei meu quarto. Andei com meus irmãos. Fiz tudo o que deveria fazer para evitar ser o projeto de minha mãe. E o que aconteceu naquele dia não valia nem remotamente o que me custaria contar a ela. 

O casal Mara e Noah vai te conquistar e a história deixa aquele gostinho de quero mais a cada capítulo lido... falando nisso... como os capítulos são curtos você vai lendo sem sentir e quando percebe que o fim está chegando fica querendo pausar a leitura para ver se dura mais...

Não perca tempo!!

Mergulhe nesta história!!


Compre já o seu exemplar!


2 comentários:

  1. Apesar de a premissa do livro ser meio terror de mais pro meu gosto, eu acabei ficando tão curiosa pela história que estou doida pra ler! não vejo a hora de ele cair nas minhas mãos *-*

    beijão!
    http://nossosromancesadolescentes.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Eu estou louca para ler esse livro GENTEEE parece ser aquele tipo de livro que não conseguimos largar até o final ..
    E pela sua resenha os finais dos capitúlos são de nos deixar com o coração na mão rsrs

    ResponderExcluir

Destile seu veneno, comente!

Ou receba as atualizações no seu email:

Delivered by FeedBurner

Posts Recentes

Últimos Comentários

As envenenadas pela maçã Ѽ by TwilightGirls RJ Ѽ - Copyright © 2012 - Todos os Direitos Reservados