3 de outubro de 2012

Doce Veneno #4: Respeito é bom e todo mundo gosta!

Bom dia, envenenados!

Como passaram a semana? Deixaram o veneno escorrer livremente? Espero que sim, afinal, engolir o próprio veneno pode ser perigoso: “O Ministério da Saúde adverte: engolir seu veneno constantemente pode causar câncer”. #ficaadica. Senti que na última semana vocês ficaram preguiçosos para comentar... Não gostei! =P Gosto quando vocês falam bastante e me contam o que estão pensando! ;)

Bom, de toda forma, o assunto da coluna que iria ao ar hoje foi suspenso para a próxima semana. Calma!! Não se desesperem, tem motivo para isso, rs! A coluna Doce Veneno é um espaço criado para falar sobre os absurdos e indignidades que vejo na vida. Assim, nada mais justo do que abrir espaço para vocês, leitores queridos, assíduos e dedicados; para que sintam-se livres para expor seus sentimentos e coisas entaladas na garganta. Claro que vocês fazem isso por comentário, mas existe aquele momento que você quer ser ouvido com mais força, como foi o caso de uma leitora.

Nessa semana recebemos um e-mail de uma leitora, que assinou apenas como “Leitora Indignada”, no qual ela fez um desabafo. Assim, decidi postar na íntegra o mesmo, e para não cansar vocês com o e-mail e mais o post programado, deixei este último para semana que vem. 

Então, fiquem com nosso momento “E-mail do leitor”, que por acaso, vai diretamente de encontro com o tema da primeira semana da coluna, “BelaAdormecida x Bella Liberada”.



Doce Veneno: Respeito é bom e todo mundo gosta!

"Eu vim aqui desabafar, pois acho que este é o lugar certo já que o veneno, é um veneno... Digamos que para uma boa causa e quem sabe para algumas pessoas caírem na realidade dos fatos !!!

Eu sou freqüentadora do Clube do Livro de uma Livraria (que não posso falar o nome O.o), eu freqüento há mais ou menos dois anos e honestamente eu gostava muiiitooo, me sentia bem entre os demais e a apresentadora era uma diva , só que quando eu digo era... Era mesmo kkk. Tem algumas edições que eu na minha humilde e contida opinião, diria que a cuja perdeu o rumo, o juízo, a falta de senso, simancol ou seja mais lá o que existir quando se trata de julgar pessoas!!!  Sim, no ultimo Clube, os motivos de eu me sentir desestimulada em ir caiu feito uma bomba, pois no encontro ao invés de tratarmos dos livros de forma saudável e DEMOCRÁTICA, o que ouvimos foi os insultos e indignação de uma mediadora louca em um evento em que aparentemente só ela sabe o que é boa leitura e nós somos grandes bestas ambulantes carregadoras de livros.

O tema era sobre: Os livros publicados por seus autores, ou seja, independentes e que depois viraram sucesso, incluindo nestes casos as que vieram de  Fanfictions(descrição). Nos dias de hoje essa lista é enorme tanto no território Nacional quanto Internacional e isso nos leva à um sucesso que saiu nas capas de revistas, jornais e em inúmeras matérias pela Internet. Estou falando do livro Cinquenta  Tons de Cinza. Embora a mediadora já tivesse deixado claro nas três ultimas edições do Clube a sua opinião sobre os três livros da autora E.L James e também nas redes sociais. Acho que virou uma religião falar mal dos livros, mas o ápice do discurso foi quando ela disse :“- Eu não tenho respeito algum pelas pessoas que leram e gostaram de Cinquenta Tons de Cinza.”  E ainda emendou em uma história bizarra de uma pessoa que estava passando por uma situação difícil no Aeroporto, que ela se comoveu com a pessoa mas que quando viu que e a tal segurava um exemplar do livro Cinquenta Tons, desejou que a mesma se desse mal mesmo. 

Aloooouuuuu Meu Deus!!!O que é isso minha gente?!?!!?  Será que só eu que fiquei indignada com isso?!!? Ainda sobrou para Belo Desastre, um livro que gostei muito e fui ler depois da resenha que li aqui no Envenenadas. Gente, acho que a minha indignação vai além do livro, afinal se ele é bom ou não, cabe a cada um que vai ler... A Mesma história pode ser lida e interpretada de infinitas formas e a mensagem que vai passar para cada leitor é mais infinita ainda e não cabe há NINGUÉM  fazer um PRE-JULGAMENTO (Preconceito) porque alguém leu ou lê o livro X ou Y. E ainda para completar ela elogiou uma autora e uma espectadora, pois ao citar alguns casos não bem sucedidos não citaram nomes... Aff! Tomara que a querida mediadora tenha aprendido alguma coisa com sua convidada e com a digníssima (mesmo) espectadora em questão.
Espero  que a apresentadora encontre os trilhos e a finalidade do encontro.   Confesso que minha decepção é grande principalmente porque admirava demais a apresentadora, tudo que ela falava tinha coerência e muitas das vezes me remetia à pesquisar sobre algo mencionado que eu não dominava, enfim era alguém que eu confiava nas palavras. E ouvir suas palavras grosseiras e desrespeitosas, foi estarrecedor, sempre interagi nos encontros, mas neste me senti envergonhada, me sentindo oprimida e acredito que muitas outras pessoas podem ter se sentido assim e não participaram de fato do Clube. Do fundo do coração não vou dizer que não vou mais ao Clube, mas nunca mais vai ser a mesma coisa.

Leitora Indignada"

Pois é, pessoal. Como vocês puderam perceber, nossa leitora expôs os motivos que a deixaram chateada de forma objetiva e coerente. Além disso, o fato do assunto estar em alta e de não gostar de ver ninguém julgando os outros por coisas tolas, considerei válido abrir o espaço. Agora é a vez de vocês... Concordam com a leitora? Discordam? Estiveram no mesmo local e querem dar a opinião de vocês? Para qualquer uma das opções acima, deixe um comentário no local abaixo, rs. E, caso você tenha a sua história e queira que mais pessoas tenham conhecimento, mande um e-mail para mim: renata.envenenadas@gmail.com.


Semana que vem a coluna retorna normalmente, e já deixo avisado, o tema será quente! ;)

Beijocas e boa semana! 



24 comentários:

  1. Passadaaaaaaa, o que foi isso minha gente???

    Tá certo que a menina que falou no Clube do Livro se excedeu e acabou distratando as pessoas que divergiam da sua opinião, tá certo ficar indignada e tal...

    Mas essa é a opinião da mediadora se não gostou deixe de frequentar o clube ou simplesmente faça como eu... IGNORE, pois afinal ela não paga as nossas contas pode ter a opinião que quiser!!!!

    E continuarei afirmando para quem interessar eu ADOREI 50 Tons!!!!

    Belo desastre está na minha fila de livros, pois foi altamente recomendado por pessoas cuja a opinião levo super em consideração.

    Renata aguardo ansiosa a coluna da semana que vem.

    Beijos Cla.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Cla!!

      Pois é, amiga! É como eu faço! Eu respeito a opinião de todos, independente de ser semelhante ou não àquela que tenho.
      Mas, de toda forma, concordo com vc quanto ao fato: se não gostou, deixe de frequentar ou ignore... E eu diria mais: Se pronuncie! Porque há espaço para vc discordar, certo?! Então se manifeste.

      Minha opinião sobre a trilogia é notoriamente conhecida, rs.

      "Belo Desastre" eu adoro, mesmo! Quem leu minha resenha sabe o que eu gostei no livro e sabe que eu não desejo ou recomendo esse tipo de relacionamento. Mas não há como negar que o Travis seduz, e independente de quem discorde, vou seguir achando o mesmo.

      Semana que vem está imperdível!! hihihi

      Beijocas

      Excluir
  2. Que bafão!
    Eu lá me importo com o que os outros leem ou se gostam ou não! Que ridícula e obtusa essa pessoa.
    Claro que é muito legal encontrar pessoas que leram e até curtiram livros que eu também já li e curti, mas fora isso, quem sou eu para exigir que o outro tenha os mesmos gostos que os meus. Fala sério, dona Ex-diva-apresentadora-pseudomediadora de meia pataca, largue os livros e vá lavar uma louça, ou chupar um prego enferrujado pra ver se vira parafuso (pensei em outra coisa, mas coitada da outra coisa).
    Apoiadíssima Leitora Indignada! Continue frequentando o Envenenadas, pois aqui somos ecléticas e o respeito vem em primeiro lugar.
    Parabéns Renatinha!

    ResponderExcluir
  3. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  4. Concordo um pouco com a "leitora indignada", esperamos nesses lugares não uma demonstração de descontrole...Mas fazer o que o dia da apresentadora não devia ser um dos melhores.
    Taí cada uma guarda em si o q lhe convém e fazer o q? NINGUÉM tem nada haver com isso, GOSTO MUITO DE 50 tons de cinza e não é a opnião dos outros sem importância q infuenciam ou mudam minha opinião!

    ResponderExcluir
  5. Me amarrota que eu to passada...

    Não sei o que anda acontecendo com essa mulherada que resolveu partir pro ataque em várias frontes. É um tal de brigar por causa de personagens de livros; brigar porque não gostou ou gostou demais de algum livro; desrespeitar autor e leitor só porque o autor começou como escritor de fanfics e agora que tá famoso não vale um tostão furado...

    Que isso, minha gente?? Mais amor no coração!

    Leitura é prazer e gosto não se discute. Cada um gosta do estilo literário que mais se identifica.
    Hoje mesmo eu e mais 3 amigas conversamos sobre 50 Tons, Toda Sua e Belo Desastre. Duas de nós achamos que os homens de cada livro se transformaram em bundões chorões, e as outras duas acham que eles eram uns fofos. Brigamos por isso? Saímos no tapa? Que nada! Comemoramos brindando com muito chopp!!!

    Os homens de papel podem ser a coisa mais maravilhosa que já lemos, mas eles não pagam nossas contas e não estão aqui quando precisamos. As amigas sim estão.

    Querida leitora indignada, pese bem se vale a pena continuar a ir nesse grupo literário. Se der pra ignorar a dita cuja que só fala M, ótimo. Se não, outros e melhores grupos virão.

    ResponderExcluir
  6. Olha gente... eu estava lá e realmente acho que esta menina teve suas razões para se sentir indignada...

    Eu não liguei muito, já que só tomo para mim o que me convém!! rs

    O que escuto e não gosto... filtro ou deleto da memória!!

    Todo mundo pode gostar e desgostar... mas vamos respeitar!!

    Adoro ir nestes encontros e em eventos e bater papo com as amigas sobre os nossos livros queridos e não gostaria de ver estes espaços tão ricos serem desperdiçados com abobrinhas!!

    Querida leitora indignada... da próxima vez, defenda seu livro com paixão e certamente muitos irão te apoiar!! rs

    Beijão!!

    ResponderExcluir
  7. Meu Deus que atitude R-I-D-Í-C-U-L-A isso está se tornando Deus sabe o que. As pessoas simplesmente perderam a noção do real, isso é que é. Não entende que cada um ler aquilo que quer e opina como bem quiser. Hoje mesmo estava conversando com minha mãe sobre 50 tons e toda sua, pois minha mãe não vê nenhuma diferença entre as duas histórias. Eu como estudo isso, tentei mostrar pra ela em que são iguais e onde começa a diferença, mas ela não ligou... rsrs... talvez se ela tivesse neste club de leitura ela ia ter um ataque com a mediadora, pois ela amou 50 tons, enfim ...Como alguém acha que tem a capacidade de julgar o que cada um tem que ler? Nem os críticos mais inteligente têm esse direito, mas...é isso que tá acontecendo. Renata como sempre assuntos de grande interesse. Valeu.

    ResponderExcluir
  8. Eita laiá... Bem... Como assim sobrou para belo Desastre? Não gostei... hihihihihi Realmente democracia é o que conta... Eu estou lendo 50 Tons e não consigo terminar, não rola... Mas nem por isso vou desistir do livro ou da série... Vou ler na integra... Tem coisas nele que me agradam e coisas que me desagradam... Não acho que a autora escreva muito bem. Mas não desistimulo ninguém a ler nem critico quem leia e goste. Eu não to curtindo, mas gosot muito do gênero... E amei Belo Desastre... Realmente que intermedia um encontro deve ser eclética e democrática senão... Já viu... Cai na boca do povo...

    ResponderExcluir
  9. Cara, o negócio está virando problema de polícia. Eu não fui ao mencionado evento, mas sei de quem a leitora indignada está falando. Aliás, nunca fui a nenhum Clube da não-mencionada mediadora por achá-la agressiva demais, desnecessariamente, isso em outros eventos e na bienal de 2011 aqui do Rio, onde pude ver o modo xiita que ela se colocava quando não gostava de um livro. Eu era uma das amigas que a Vânia mencionou ali em cima (mas não bebi o chopp porque estou de dieta... rs). Fui uma das que elogiou os livros, mas entendi porque as amigas não gostaram. Tudo com muita brincadeira e respeito. Não dá para levar essas coisas a sério, porque estamos nos referindo a Literatura de entretenimento. É para nos fazer feliz, chorar, reclamar, espernear... Por causa da estória, dos personogens, é só. Não dá para levar para o lado pessoal e resolver malhar os leitores, nem julgar a partir de uma moral pseudo-intelectual o que as pessoas estão lendo ou deixando de ler. Eu fiz História na faculdade. Li Marx (com muito orgulho), Hobsbawn (com muito prazer) e Bordier (com muito ódio no coração), mas nem por isso me sinto menos ou mais especial do que ninguém. Mas também não dou o direito de quererem me julgar pelo meu gosto literário, de romances históricos, florizinhas e hot. Mando para um lugar escuro, profundo, com apenas duas letras. Não paga meus livros, nem minhas contas. Tem se colocar no seu lugar, aprendendo que respeito é bom, e a gente gosta.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Elimar, toca aqui, garota! o/
      Também sou historiadora, mas diferente de você, tenho muito carinho pelo Bourdieu, rs.
      E li muito Walter Benjamin e Hayden White para escrever minha monografia, que, diga-se de passagem, é numa linha de História Cultural que me permite invadir a literatura. Ah, como gosto!
      E tô aberta a qualquer tipo de leitura... É a vida!

      Beijocas

      Excluir
    2. Oi Renata. Eu sempre escrevo o nome do Bordieu errado (disfarça... rs). Eu li Walter Benjamin e Hayden White também. Meu trabalho monográfico foi sobre Literatura de Massa, mais precisamente os romances de banca. Leio de tudo desde pequena pois aprendi a ler com uma pessoa que tinha pouquíssima instrução na época, minha mãe. Ela queria que soubéssemos ler bem, porque assim ninguém ia enrolar a gente... rsrsrsrs
      Acho que o assunto tem que ser debatido o máximo possível, para que as pessoas possam se colocar sem medo nesses eventos, sem ter medo de ser julgado! Essa moça atende a alguém, que deveria ter uma conversa com a moça, para que ela aprenda que isso não é bom para a empresa que ela trabalha, como também para os leitores que compram o livro dali. BJS!

      Excluir
  10. Todo mundo tem o direito de expressar suas opiniões, mas acho que a partir do momento que você está debatendo isso em um grupo/clube você tem que deixar aberto para uma replica e não impor aquilo que pensa sobre o assunto!


    ResponderExcluir
  11. Ola!! Concordo totalmete com que ela disse cada um tem sua opiniao e ninguem tem direito de julgar ninguem , confesso que ainda nao li 50 tons mas ja ouvi coisas boas e ruins dele.Mas vou tomar vergonha na minha cara e finalmente ler ele rsrs!! Beijos.

    ResponderExcluir
  12. Bom vamos lá... Detesto pessoas que se acham donas da verdade. Sempre digo aos amigos e leitores do meu blog, que não existe uma verdade absoluta sobre nenhum assunto. Pois, um livro se torna bom ou ruim, dependendo de quem le, ou do momento em que é lido. Eu gostei de 50 Tons, mas não achei aquilo tudo que a mídia falou, mas nem por isto vou atormentar as amigas que amaram...Nunca fui e nem tenho nenhuma vontade de ir a este clube de leitura, que aliás, mesmo não sendo dito o nome sei bem qual é. E não é a primeira pessoa que vejo reclamar da arrogância e desrespeito desta mediadora.
    Sou uma leitora eclética, que gosto de vários gêneros literários, mas adoro e me acabo em romances históricos, hots, e sobrenaturais.
    E não estou nem aí para o que dizem ou pensam sobre a minha leitura. Eu leio aquilo que me dá vontade e pronto!
    Se eu fosse esta leitora, teria dado uma bela resposta a esta pseudo crítica literária e não voltava mais lá...
    Acho que está na hora de aprendermos que nossos direitos e gostos acabam, onde os dos outros começam, porque respeito é bom, eu mereço e gosto!

    ResponderExcluir
  13. Sou totalmente contra QUALQUER TIPO de preconceito. Acho que 50 Tons (que tá na moda, e igualmente na moda falar mal sobre) herdou o ódio que muita gente tem por Twilight, muitas vezes sem nem ter lido/visto os filmes - poucas pessoas podem dizer LI, VI, NÃO GOSTEI POR TAIS MOTIVOS.
    Existem livros para todos os gostos e cada um pode (e deve!) ler o que achar melhor.

    ResponderExcluir
  14. Nossaaa , vocês sabem que não muito frequente em comentários, mas como não comentar ??
    Eu estava lá, e lendo este desabafo me identifiquei em alguns momentos com a Leitora Indignada, pois assim como ela costumo interagir, mas me senti constrangida em falar alguma coisas neste dia .. Aff !! Pelo jeito não fui a única ... Minhas amigas já conhecem o meu discurso: Não existe livro ruim, existem livros que vc vai se identificar e livros que não não de acrescentar nada naquele momento de leitura, mas em algum lugar alguém pode estar se emocionando ou criando uma opinião.
    Enfim é preciso ter respeito com os leitores e principalmente com os escritores!!

    Só para enfatizar .. rsrs Respeito é bom e nós gostamos!!!
    Bjks
    Ameiii Rê !!!

    ResponderExcluir
  15. Também estava no referido evento mas, como a Math disse, não liguei muito por não ter lido 50 Tons e não ter um parecer pessoal sobre ele (por isso prefiro não me meter a defendê-lo). Mesmo assim, acho péssimo alguém criticar de forma enfática e desrespeitosa qualquer coisa que seja, não só livros. Gosto é único e se você não curtiu alguma coisa, certamente outro alguém vai curtir!

    Expor a opinião, as razões e os motivos para não ter gostado do livro é uma coisa. Agora criticar ou (pior ainda) discriminar quem gosta já é passar dos limites da civilidade. Deixo aqui meus parabéns para a leitora indignada, por ter tido a atitude de se abrir e para a equipe envenenada, por ter aberto este espaço para que qualquer um destile seu veneno!

    Beijos meninas!
    Ingryd - PseudoEstante

    ResponderExcluir
  16. Boa noite queridas envenenadas.

    Venho por meio deste comentário dizer que eu sou a tal pseudo-mediadora-critica-sem noção-louca-desrespeitosa-agressiva e so on que vocês tanto comentam, mas que, aparentemente, não conseguirem dizer o nome. Para falar a verdade, eu sei qual a razão disso, mas vamos deixar isso para lá.

    Quem já foi ao Clube do Livro sabe muito bem quem eu sou. Sou uma pessoa que tem personalidade forte e assina embaixo de tudo que faz ou acha e que não tem medo de pedir desculpas. Essa é parte da razão de eu comentar aqui hoje: peço desculpas para quem se ofendeu com o que falei. Brinco e falo sarcasmo como segundo idioma e sinto muito se alguma falha na minha comunicação deixou alguém triste ou zangado. Não foi minha intenção, tá? Não foi mesmo. Desculpem mesmo! Vou ficar de olho para que esse erro não se repita. Promessa minha! Mas me cobrem também! Tenho jeito de Rainha Má, mas juro que sou boazinha :)

    Gosto não se discute, se debate e é o que eu tenho feito durante os últimos três anos: aprendido coisas novas com quem coloca a opinião na mesa e ensinado outras a quem está disposto a questionar. Adoro demais o Clube e respeito demais todos que o frequentam para impor alguma coisa. Só faço questão de expor minha opinião e frisar que é só isso – minha opinião, a de uma leitora crítica e chata – e que o espaço está aberto para que todos possam questioná-la, discordar dela, concordar ou ignorar. Para quem não se dispõe em falar por medo ou timidez, ok. Mas falar pelas costas e anonimamente .... feio, né? Acho falta de respeito. Mas essa é só minha opinião.

    Tudo que falei foi para animar a discussão, mas acho que tom deve ter saído errado (e peço desculpas por isso). Não julgo os outros pelo que gostam ou não de ler. Isso seria estúpido! Julgo caráter pelas atitudes que as pessoas têm em situações complicadas e delicadas, como esta: de ser o assunto de um posto agressivo em um blog feito por pessoas conhecidas e descobrir isso por vias tortas. Aí, se não julgar estaria sendo inocente demais, concordam?

    De qualquer maneira, querida Leitora Indignada, desculpe se te desapontei. Tento sempre fazer o melhor para o Clube e para os leitores que lá estão, mês após mês, mas sou humana e posso errar. Não nego que os últimos meses têm sido muito complicados para mim, mas também não acho que tenha “perdido o rumo”. Acho que todos têm o direito de achar o que quiserem, mas é importante lembrar que o direito de um acaba quando começa o do outro. Todos falaram aqui de como gostam de respeito. Peço desculpas se – sem querer - faltei com respeito a alguém. Se fiz isso, foi totalmente sem querer. O mesmo não pode ser dito de nada sobre esse post e esses comentários. Nem ia comentar, mas achei injusto o que estavam fazendo, então resolvi escrever esse belo testamento. Espero que não as tenha entediado.

    A todos, espero vê-los no Clube de outubro, que vai ser bem bacana. Estou tentando ver se um amigo meu que adora literatura gótica pode participar. Ele é muito figura! Acho que vocês vão se divertir. Até lá!

    beijos
    Frini Georgakopoulos

    PS: Essa é a primeira vez que uso o Google id para comentar, então não sei o que vai acontecer!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não achei nada entediado, não!!

      Achei o 'testamento' ;-) coerente, sincero e super pertinente!!

      Você tem mesmo o direito a resposta e fez isso muito bem!!

      Só não achei o post agressivo em nenhum momento... A Rê (E o blog!) abriu mais um espaço para discussão/debate e deu voz a alguém que no momento do evento não pôde ou não teve coragem de se manifestar!

      E quanto às críticas dos comentários... já estou acostumada! Também sou sarcástica demais às vezes e sofro bastante com isso!

      Concordamos com o 'boazinha' gentem... não liguem para o jeitão de rainha má. De verdade!!! rs Quer conferir?? Vá o Clube do livro e participe! E tome coragem para expôr sua insatisfação...

      Obrigada Frini pelas colocações! Perfeitas!

      Beijão envenenado...

      Excluir
    2. Frini, realmente é muito honrosa sua atitude, e também devo pedir desculpas, por fazer um julgamento vendo apenas um dos lados, algo que não costumo fazer. às vezes tomamos partido por afinidade, por carinho e acabamos por não permitir que o outro se coloque.
      Não a conheço, nunca fui ao Clube, mas só de ver sua atitude, já dá pra ter uma ideia. Realmente, é uma situação lamentável, e espero que tudo se resolva da melhor maneira possível. Se puder, estarei presente ao Clube de outubro, para poder conhecê-la.
      Boa sorte!

      Excluir
    3. Não foi nada cansativo. Não esperava outra postura de você, Frini.
      Como alguém que frequenta o Clube com frequência, posso dizer que é um espaço ótimo onde podemos discutir acerca dos assuntos mais diversos.
      Sobre os comentários, também achei alguns muito pesados. E acho que o povo errou justamente naquilo em que condenaram você: falta de respeito.
      Enfim, também recomendo que todos compareçam ao Clube do Livro e aproveitem.

      Beijos.

      Excluir
    4. Sabe o que eu acho curioso? No Clube do Livro o microfone fica disponível para quem quiser comentar o tema.Por que essa "leitora indignada" não expôs seu pensamento lá na hora?A oportunidade estava lá, de falar na hora e cara a cara. Se não teve coragem,por que não escreveu diretamente para a Frini, que é uma pessoa super aberta? E por que a necessidade do anonimato ao reclamar ?Na boa,mais parece fofoca de comadre querendo causar.
      Infelizmente algumas pessoas não entendem sarcasmo, não leem nas entrelinhas e levam a ferro e fogo tudo o que ouvem. Aí o problema está mais no receptor,que não sabe "ler", do que no emissor.
      E outra coisa: a Frini era diva até que a opinião não 'bateu' com a da leitora,daí passou a ser o demônio?Meu deus do céu, eu vejo essa revoltinha em pessoas que não aceitam ser contrariadas, mas é em crianças de quatro, cinco anos. Um pouquinho de maturidade para aceitar opiniões negativas de quem não gosta de uma coisa mesmo que "todo mundo" goste ou que seja a última modinha cai bem...
      Frini, minha querida, lhe mando um recado: abstraia. Não vale a pena!Você é ótima. Se for pra considerar as críticas à sua pessoa, que sejam aquelas feitas por quem tem coragem de falar diretamente e assinar embaixo.E, encerrando, cito a cantora Pitty: "As pessoas se ofendem muito fácil.Não sei se eu que sou grossa ou elas que são frescas."

      Excluir
  17. Lamentável a situação. E o pior que como ela tem vários. Julgam pelo autor, pela história, isso ou aquilo, uma porcaria. Esquecem que gosto não se discute, e como foi citado no e-mail, cada um interpreta o livro de um jeito, acho que isso é o mais interessante do mundo literário.
    Bjs, Rose.

    ResponderExcluir

Destile seu veneno, comente!

Ou receba as atualizações no seu email:

Delivered by FeedBurner

Posts Recentes

Últimos Comentários

As envenenadas pela maçã Ѽ by TwilightGirls RJ Ѽ - Copyright © 2012 - Todos os Direitos Reservados