3 de agosto de 2012

Sexta Envenenada: Atração Implacável

[Sexta5%2520copy%255B4%255D.png]


"Se percebesse alguém à espreita
ou se notasse atrás de mim uma sombra que não fosse a minha, eu  certamente agiria rápido
e daria o dia por encerrado."

Olá Envenenados!
Mais uma sexta… logo mais uma “Sexta Envenenada” para esquentar o final de semana!

Muitos personagens masculinos do mundo literário são misteriosos, definitivamente enigmáticos. Mas poucos conseguem causar um efeito tão explosivo como John Medina.
Este gato veio tomando forma desde sua aparição em Revelações (Kill and Tell), quando surgiu para elucidar a morte de seu pai, Rick Medina, outro grande agente da CIA.
Ainda que sua participação neste suspense romântico seja esporádica, temos uma ideia da intensidade desse personagem.

mf3
Matthew Fox
Aqui ele se alia a Karen Whitlaw e Marc Chastain, que estão também em busca de respostas para outro assassinato, numa trama que envolve política, poder e traição, enfrentando um assassino insuspeito, que não desistirá enquanto não tiver em suas mãos os segredos, há muito guardados, do pai de Karen.
Neste primeiro momento, vemos uma pequena parcela do poder de Medina, que tem sua história finalmente contada em Atração Implacável (All the Queen´s Men), outro grande trabalho de Linda Howard.



Cinco anos antes, ele e sua equipe trabalhavam numa missão explosiva no Irã, na qual deveriam destruir por completo uma fábrica onde desenvolviam um carregamento de antraz para terroristas no Sudão.
Neste período, ele conhece Niema, que também fazia parte da equipe, meio que contra a sua vontade, já que ela está no grupo não só por suas habilidades, mas também porque insistiu em acompanhar o marido. Uma série de acontecimentos irá fazer com que seu destino esteja permanentemente ligado ao dessa mulher.
Mas, apenas anos mais tarde eles voltam a ter contato, dessa vez também por motivações profissionais. No entanto, é Medina quem cria as oportunidades para esse reencontro, para finalmente aproximar-se de maneira mais íntima e intensa.
Meu encanto nesse personagem: a força e as ações extremamente calculadas e inesperadas. John Medina é um homem que aparentemente é só mistério, que vive para seu trabalho e o realiza de maneira tão eficiente que se transformou em uma lenda dentro da Agência. São poucos os colegas que sabem de sua existência, e entre esses raríssimos sequer conhecem sua verdadeira identidade.

Mesmo com tudo isso, havia algo – ou melhor, alguém – que conseguia mexer com ele, ainda que ninguém jamais pudesse imaginar.
“[...]
Niema.
[...]
A resposta era não. Ela ainda estava sozinha.
Será que ela havia mudado? Talvez engordado, adquirido alguns fios de cabelos brancos? Muitas pessoas começavam a ter cabelos brancos com vinte e poucos anos. Será que seus grandes olhos pretos ainda eram tão profundos a ponto de fazer um homem mergulhar neles sem se importar?
Ele poderia vê-la. Ela nunca saberia. Poderia satisfazer sua curiosidade, sorrir com o prazer físico que sentia ao vê-la e ir embora. Mas ele sabia que não a veria; alguns fins era a melhor solução. Ele era ainda quem era e quem fez o que fez, por isso não havia motivos para sonhar acordado, por mais prazeroso que isso fosse.
Saber disso era uma coisa, afastar-se daqueles desejos era outra. Ele faria o que  era preciso, mas queria beijá-la abraçá-la, nem que fosse apenas uma vez, e fazer amor com ela. Apenas uma vez ele queria deixá-la nua e possuí-la, e uma vez teria de bastar, porque não poderia se arriscar mais que isso.
Mas não havia chances de ele ter essa oportunidade, então John finalmente parou de imaginar coisas, virou para o lado e dormiu.
[...]”
A maneira como esse personagem vai ganhando forma e se mostrando é muito sedutora. Há 
mf
poucas informações dele no início, assim, nos surpreendemos com o que vamos descobrindo a seu respeito. Seu caráter, sua sensualidade e mesmo seu humor que, a princípio é bastante prático e esporádico, mostra-se mais presente e lascivo.
Geralmente, romances escritos por mulheres focam muito os pensamentos, as reações femininas, o amor e o sexo com foco feminino. Mas em Atração Implacável, John reina em pé de igualdade com Niema. Aliás, esta é uma característica presente na grande maioria dos romances de Linda Howard.
Muito gostoso desse livro é podermos observar o relacionamento dos dois, mesmo antes de assumirem a próxima missão que envolve um poderoso negociante de armas francês que está fornecendo munição a terroristas internacionais. Como ela, acabamos caindo nas artimanhas desse homem poderoso, misterioso e extremamente sensual.
Eu, particularmente, adoro pessoas inteligentes, pessoas inteligentes que conseguem rir de si mesmas são especialmente cativantes, e assim é John Medina. Só nós e ele sabemos o que está pensando; Niema somente terá ideia do que ele pensa, sente e quer, quando ele permitir que ela saiba. Ai, não haverá volta.
“Relutantemente, ela disse: – John. – Preferia pensar e referir-se a ele como Medina; assim, mantinha-se a certa a certa distância dele, pelo menos imaginava ser assim. Já estava tendo bastante dificuldade para lutar contra a atração que sentia por ele. – Vamos voltar ao assunto original; é um trabalho único. Tem de ser.
Com as mãos ainda nos bolsos, ele foi até a janela da cozinha e distraidamente tocou o gancho e os ferrolhos que ela havia instalado. Nas duas últimas manhãs, tivera de passar por uma janela pequena do banheiro, tão pequena que ele teve de fazer movimentos cuidadosos para entrar. Ela estava tão satisfeita com aqueles ferrolhos que ele não contou a ela ter descoberto uma maneira de driblá-los...
– Não pensem que pode me ignorar – ela avisou.
Ele lhe lançou um sorriso leve e caloroso ao virar-se da janela.
– Nunca pensei em fazer isso.
Tanto o sorriso quanto o que ele disse a deixaram surpresa. Decidida a mudar de assunto, ela respirou fundo. – Vamos voltar a falar sobre o plano. O que acontece quando... se... eu conseguir um convite para ir à casa de Ronsard? E se você não for convidado para ir ao no mesmo dia?
– Já recebi um convite... Se Ronsard a convidar para a festa, aceite. Se ele só convidá-la para conhecer sua casa, recuse. Isso deve despertar o interesse dele.
– O que eu sei a respeito de despertar interesse em alguém deve caber em uma casca de amendoim – ela disse.
Ele sorriu. – Não se preocupe, pois a Mãe Natureza cuidou dessa parte. Os homens são fáceis. Não exigimos muito além de uma mulher respirando, e ficamos interessados.
Ela tentou se sentir ultrajada, mas pegou-se rindo. – Que simplório, não é?
– Em comparação às mulheres, somos amebas. Nossos cérebros só têm um neurônio, mas é dedicado.
Aquilo fora dito pelo homem mais complicado que ela conhecia. Ela balançou a cabeça e disse: – Acho que precisamos trabalhar, antes que esse seu único neurônio se perca completamente...”
É isso; eu poderia simplesmente escrever linhas e linhas e não me cansaria de imaginar as situações criadas pela Howard; sinceramente não pensei que seria capaz de ler outras autoras e me sentir tão à vontade como me com seus romances.
John Medina me cativou em todos os níveis, muito mais por sua personalidade e inteligência que por qualquer descrição física, que aqui quase não aparece. Ele é uma poção mágica que me enfeitiçou; um misto de várias qualidades essenciais em um homem, e nem mencionei aqui o quão sexual ele é, vou deixar sua curiosidade buscar por isso.
John Medina ainda é mencionado e outro romance de Howard, Beije-me Enquanto Durmo. Para quem quiser acompanhar os passos desse herói, a ordem pode aparição: Revelações, Atração Implacável e Beije-me Enquanto Durmo, todos da Linda Howard, publicados por aqui pela Bertrand Brasil.
Para apimentar sua imaginação vejam quem visualizo como meu John Medina:
Matthew Fox (independentemente do que andam dizendo dele por aí, é esta a imagem que criei de JM), claro em sua melhor forma!
mf2matthew-fox-lost
Mais informações ou indicações de outros títulos da autora, é só pedir e deixem seu veneno nos comentários.
Beijos envenenados e até a próxima semana.
Tania Lima


8 comentários:

  1. Cara, você conseguiu encontrar a imagem perfeita para o John. Esse é um dos personagens que caiu no imaginário das românticas de plantão. Sexy, forte, misterioso e TDB. Acho que a Tia Linda estava completamente inspirada quando criou esse homem... É uma pena que essa série esteja tão defasada no Brasil.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Elimar!
      Que bom que gostou, pois na verdade a Linda não faz uma descrição continuada, ela vai pincelando uma característica aqui, outra ali e deixa por conta da nossa imaginação a criação da imagem o gato!
      Amo os textos dela!
      Na verdade, não acho que seja uma série, pois cada livro tem sua própria história e Medina só é mencionando em um (Beije-me Enquanto Durmo), faz umas poucas aparições em outro (Revelações) e protagoniza um (Atração Implacável). Não se trata de uma série como é a série Mackenzie, outra obra muito gostosa da Howard, mas editada pela Harlequin, daqueles de banca.
      Até onde tenho conhecimento ha apenas 6 títulos de livraria, editados pela Bertrand, em português, o restante é em inglês mesmo!
      Adorei seu comentário, continue frequentando o blog e a coluna, pois temos muito a apresentar!
      Obrigada
      Bjs
      Tania Lima

      Excluir
  2. Respostas
    1. Oi, linda!
      Estes textos são preciosos, a autora é maravilhosa! Esta falência vale a pena! rs
      BJs
      Tania

      Excluir
  3. Vamos falir!!!

    Estou apaixonada... ai mais um para povoar meus sonhos e devaneios!!!

    Preciso ler!!!

    ADOREI o post!!!

    bjss


    Bianca

    www.apaixonadasporlivros.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Biazinha!

      É para se apaixonar mesmo! Medina é tudo de bom! Espere só conhecer os outros heróis da Linda que trarei pra vocês apreciarem, ufa! É de tirar o fôlego e ir a falência mesmo! kkkkkk
      Os primeiros que li dela foram em ebooks, e cai de 4, não resisti e comecei a colecionar os livros! Difícil mesmo é parar de ler e no final enfrentar a sensação de abandono, até começar a ler outro...
      Existem vários outros títulos da Lindinha que compartilharei por aqui!
      Obrigada por ler nossa coluna!
      Bjs
      Tania

      Excluir
  4. Tania! Adorei a tua descrição desse personagem da Linda Howard. Adivinha se já não vou sair daqui direto para procurar esses livros onde o JM aparece. Parabéns pela coluna! Maravilhosa! Já estou seguindo o blog!!
    Beijos, amada!
    Rosane

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Rosane, querida!!!
      Que bom te ver por aqui!
      JM é apaixonante mesmo, como todos os homens da Linda!
      Volte logo e terás uma surpresa deliciosa.

      Bjs
      Tania

      Excluir

Destile seu veneno, comente!

Ou receba as atualizações no seu email:

Delivered by FeedBurner

Posts Recentes

Últimos Comentários

As envenenadas pela maçã Ѽ by TwilightGirls RJ Ѽ - Copyright © 2012 - Todos os Direitos Reservados