24 de outubro de 2011

Resenha de ‘Julieta Imortal’ da @Novo_Conceito

Boa tarde envenenados,
Hoje trago para vocês mais um lançamento maravilhoso da nossa queridinha editora Novo Conceito!
O livro tem uma das capas mais lindas do momento e se chama…
Julieta Imortal
 
 
Julieta Imortal

Autora: Stacey Jay
Título Original: Juliet Immortal
Editora: Novo Conceito

Páginas: 240

Compre aqui na pré-venda!
 
 
Sinopse
          “Julieta Capuleto não tirou a própria vida. Ela foi assassinada pela pessoa em quem mais confiava, seu marido, Romeu Montecchio, que fez o sacrifício para assegurar sua imortalidade.
          Mas Romeu não imaginou que Julieta também teria vida eterna e se tornaria uma agente dos Embaixadores da Luz. Por setecentos anos, Julieta lutou para preservar o amor e as vidas de inocentes, enquanto Romeu tinha por fim destruir o coração humano.
          Mas agora que Julieta encontrou seu amor proibido, Romeu fará de tudo que estiver ao seu alcance para destruir a felicidade dela.


 

Depois de ver uma capa linda dessas e ler uma sinopse como essa… é claro que leitoras compulsivas como eu, me darão razão quando digo que me enfronhei uma tarde toda com o livro nas mãos e não larguei até terminar a leitura!! E que leitura!!! rs

Quando temos a oportunidade de ler um livro cuja temática se aplica a um romance imortal como o de Romeu e Julieta… ele se torna tentador…
Principalmente quando a editora sabiamente escreve na capa frases deste tipo: "A maior história de amor de todos os tempos é uma farsa". Ai G-Zuis… eu sou uma pessoa curiosa por natureza e isto deveria ser proibido… Porque é nesta frase que a editora me ganha e eu fico sem chão e sem senso e quase enlouqueço enquanto não tenho o dito cujo do livro em minhas mãos. Pois é… você também já passou por isso antes? Diz que sim… aí não me sentirei tão doida!! rs
Bem, mas claro que além de ter ficado intrigada, eu me perguntava como alguém pode questionar um amor transcendental, que já está mais que consagrado por muitas gerações?? Ei… é Romeu e Julieta!! Ai… *suspiros* O que esta autora vai aprontar?? Diga-se de passagem… autora bem ousada essa Stacey Jay que cria uma história sobrenatural sem colocar vampiros e lobisomens (obrigada!) e que te prende do início ao fim!!

O livro começa narrando a noite dos votos de casamento entre Romeu e Julieta, aquela que precede a trágica cena final escrita por Shakespeare na história passada em Verona no século XIV. A passagem é linda e faz a palavra amor ser pequena para expressar o que é a verdadeira devoção pelo ser amado. Aiaiai... Esse "amor" de proporções inenarráveis é de arrancar lágrimas... o primeiro capítulo só tem duas páginas e para mim são de uma profundidade sensível e adorável que ganha o leitor para o resto do livro.
Já no segundo capítulo a narrativa muda deixando o passado para trás e trazendo o futuro até o leitor. Nele, começamos a descobrir a ‘verdadeira’ história entre os protagonistas… e passamos a reconhecer uma outra Julieta e um outro Romeu.

A alma de Julieta se apossa de outro corpo, Ariel Dragland, rumo a realização de mais uma missão junto aos Embaixadores da Luz. Isso mesmo… Julieta é capaz de ‘pegar alguns corpos emprestado’ e é responsável por unir e proteger as almas gêmeas ao longo das últimas trinta encarnações. Julieta como Embaixadora, deve cuidar, proteger e perpetuar o amor entre casais cujas almas são gêmeas.
Mas sua tarefa não é nada fácil, já que Romeu também pode fazer o mesmo mas com a intenção de interferir e atrapalhar Julieta. A missão de Romeu é totalmente oposta a dela… ele manipula relações e faz com que um elemento de cada casal, cometa o mesmo delito que ele cometeu a séculos atrás. O parceiro deve matar seu amado ou sua amada em busca de poder e eternidade nas sombras ao lado dos Mercenários. Ele também é capaz de fazer com que um dos apaixonados se suicide e isso também manterá sua alma imortal por mais tempo. Romeu e Julieta acabam sempre se encontrando e brigando, unindo e separando casais em uma interminável luta pessoal para equilibrar o destino.

Desta vez… ou nesta vida… Julieta é Ariel e Romeu é Dylan e através desses corpos vão desvendar segredos e verdades sobre tudo que aconteceu na noite em que ambos morreram em Verona.
Com uma narrativa extremamente viciante… fui seguindo a história e me surpreendendo a cada página virada. A forma com que Julieta precisa lidar com seu novo corpo e compreender realmente quem é Ariel, é transformadora e acaba sendo romântica também, pois ela conhece um cara maravilhoso, o Ben, que poderia fazê-la conhecer o amor arrebatador e verdadeiro. Ela deve se dar uma segunda chance de amar? Mesmo Ben não sendo destinado a ela?
Não foi nada fácil ver Romeu como o vilão da história, mas a autora nos faz crer nesta nova realidade e me peguei tendo ódio dele várias vezes!! rs #prontofalei Me lembrou o Damon (TVD)… Não é todo mundo que gosta de ler livros que fazem releituras, mas eu devorei o livro principalmente porque o livro me pareceu mais como uma ficção com uma realidade alternativa que mescla cenas lindas de romance, suspense, aventura, personagens marcantes e uma narrativa vibrante.

Além disso, o livro nos apresentar uma mensagem bonita sobre aprender a se amar primeiro antes de amar o outro e de procurar reconhecer seus erros ao invés de criticar seu amado... Terminarei esta resenha com uma das partes lindas de se ler neste livro… espero que gostem!!

“E então ele me beija, e esqueço de tudo enquanto sinto o calor dos seus lábios. Ele é... perfeito. Exatamente como pensava. Seu beijo é como um raio de sol, que leva embora todas as coisas ruins e acaba com a escuridão que carrego desde o dia em que aprendi que não existe final feliz. Não para mim. Mas, nesse momento, envolvida em seus braços e sentindo o gosto dos seus lábios, e sua respiração na minha, posso jurar que estava errada. Existe mesmo essa coisa chamada felicidade, e ela sussurra o meu nome e me protege em seus braços.”  Página: 143
Leiam e se deliciem… é lindo!
Obrigada Editora Novo Conceito por nos enviarem o livro antes de seu lançamento!
Vocês são maravilhosos!!
Beijocas, 









6 comentários:

  1. Adoro releituras ... principalmente essas que mostram uma "continuação". Depois que leio fico procurando sinais de que isso possa ser verdade ... e to achando que com Julieta Imortal não vai ser diferente :P

    ResponderExcluir
  2. Nossa, só tenho uma coisa a dizer, amei sua resenha!
    Não fiquei muito interessada nesse livro quando vi que ele seria lançado, até por que acho que ainda não li nenhuma releitura. Mas depois de ler sua resenha fiquei muito curiosa para ler esse livro! *-*
    E realmente a frase "A maior história de amor de todos os tempos é uma farsa" faz com que eu queira muito ler o livro para descobrir qual é a farsa! Se você for doida, eu também sou! rsrs
    Mas sério, não sei se vai ser muito fácil odiar o Romeu (ainda mais se ele me fizer lembrar do Damon!), mas acho que tenho grande chance de gostar mais dessa Julieta do que da original.
    Ah, sobre a capa do livro, também achei que ficou muito bonita.

    ResponderExcluir
  3. Suspirei naquele trechinho do final da resenha, awwn! A capa é realmente linda e to super ansiosa pra ler *--*

    ResponderExcluir
  4. Segunda resenha que leio deste livro e me encanto cada vez mais!!!!! Sabe, interessante ver as coisas de um outro angulo... E aquela coisa de que nem tudo é o que parece me vem na cabeça... Curiosa para ler o livro...

    ResponderExcluir
  5. Adorei a resenha, estou super curioso para lê-lo...
    Att.,
    Luks

    ResponderExcluir

Destile seu veneno, comente!

Ou receba as atualizações no seu email:

Delivered by FeedBurner

Posts Recentes

Últimos Comentários

As envenenadas pela maçã Ѽ by TwilightGirls RJ Ѽ - Copyright © 2012 - Todos os Direitos Reservados