29 de setembro de 2011

Resenha – Amante Vingado – J.R. Ward - @univdoslivros

Bom dia #envenenadas,
Sabe aquele livro que mora no seu coração? Aquele que você ama mais do que todos e que fica em um lugar todo especial na sua estante?
Tá! Tudo bem! Eu não tenho esse livro, porque existe algumas dezenas desses, do tipo “favorito” em minha estante. Mas esse com certeza tem meu apreço #modeon!
Quer saber por que? Bem, pra começar a defesa da minha tese eu digo que ele foi escrito pela Ward.
Isso já te satisfaria? A mim sim!
Mas ele também é da série Irmandade da Adaga Negra.
Ok!
Mas o mais importante disso tudo é que é o livro do MEU Rehvenge!
Com vocês…


Amante Vingado
 
Livro: Amante Vingado 
Autora: J.R. Ward
Páginas: 720
Editora: Universo dos Livros 
ISBN: 978-85-7930-264-0







Sinopse:

“Nas sombras da noite de Caldwell, Nova York, desenvolve-se uma furiosa guerra entre os vampiros e os seus assassinos. Há uma Irmandade secreta, sem igual, formada por seis guerreiros vampiros, defensores de sua raça. Enquanto eles defendem a raça dos redutores, a lealdade de um vampiro especial será posta a prova – e sua perigosa natureza será revelada…
Rehvenge sempre manteve distância da Irmandade, pois guarda um letal segredo que poderia fazer dele uma arma na guerra contra os redutores. E enquanto as conspirações dentro e fora da Irmandade ameaçam revelar a verdade sobre o ele, Rehv se aproximará da única luz que clareia seu mundo de escuridão e jogos de poder, Ehlena, uma vampira que nunca conheceu a corrupção e traição… é a única que pode salvá-lo da destruição eterna.”

         
"A vida é um trauma tão glorioso, não é?"Wrath, o Rei Cego em Amante Vingado


Todos nós temos impressos em nossas vidas os dois lados da moeda. Somos humanos, suscetíveis a dor, passíveis de erro, facilmente manipuláveis, inescrupulosamente corrompíveis.


Mas insisto: temos os dois lados da moeda. Ainda existe o outro lado: apaixonado, beligerante, altruísta, sincero, visceral.

E é exatamente assim que Rhevenge é: “humano”. Sympath, para mim, quer dizer humano em seu sentido literal; forte e frágil, herói e bandido... Por muitas vezes Rhev andou com seu arnês à margem, buscando explicações para a vida, atribuindo sua existência ao fardo dos que lhe amavam. Somando para si a culpa, a dor, a resignação e a vingança pelos seus.

Incompreendido por ser o que era, vagou incansavelmente pelo inferno até encontrar a verdadeira razão de toda sua existência: Ehlena. E assim pode  permitir-se habitar livremente o mundo onde ela governava: o seu coração.
Descrente de sua fé e arraigado à violência, Rhevenge passa por muitas provações até encontrar refúgio no amor e na Raça.

Muitas dificuldades foram enfrentadas pela Irmandade da Adaga Negra novamente, agora em Amante Vingado. Estórias de desafio, de amor, de troca e de busca se mesclaram a ação, ao suspense e a surpresa deixando-me curiosa como nunca para desvendar os mistérios de John, (o próximo livro da série, Lover Mine, título original) o vampiro que fala com o olhar.

Eu quis gritar, chorar e bater... E brigar pela vida de Rhev! Porque todo mundo merece uma chance e vê-lo dividir a felicidade com sua Ehlena, reconquistar a sua fé nas pessoas e seu crédito pra com a Raça foi tudo!

Sábias palavras, as do Rei...

Entenderam agora porque Amante Vingado é o meu livro favorito da Irmandade da Adaga Negra? Quando falo do Rehv, tenho a sensação que ele existe…
Dagger Kisses, uma meia calça e um celular pra vocês (#ficadica) 
Fê Madeira

28 de setembro de 2011

#2 Promo ‘Filha da Tempestade’–Mais tattoos pra vocês!!

Boa noite meninas,

Quero agradecer imensamente a participação de vocês nesta promo!!

Não são só vocês que adoraram a promo… eu também me amarro colocar promos deste tipo no ar!! rs

Então, hoje trago para vocês mais três lindas tatuagens e a explicação de cada uma delas!

A primeira é a da Lia Christo

LiaChristo

Olá meninas...

Enviando foto da minha primeira tatoo...

Escolhi as três estrelas, para representar as 3 pessoas mais preciosas para mim.

Meus dois filhos e minha mãe.

E escolhi as estrelas por serem pra mim o símbolo de luz!

Então é isso... Espero ter sorte e ganhar este livro que me deixou bem curiosa...

Beijinhos e sucesso com o blog.

 

A segunda é a da Lola Bittencourt…

Lola Bitencourt

Oi Math!

Bom, a minha escolha, se eu fizesse uma tatuagem, seria essa do anexo.
Tatuar "Endless Love" é um sonho que desejo realizar, porque para mim antes de tudo se cada um tivesse um amor sem fim por si próprio e pela vida não haveria tanta estupidez no mundo, é preciso ter amor sem fim pela vida e pelas pessoas para fazer com que o mundo mude e não seja tão egoísta e solitário . E eu quero ter essa tatuagem para que jamais esqueça disso e possa levar esse 'mantra' a todos os que eu conheço e que vier a conhecer.
Um beijão para as lindas envenenadas :*
Paola Portella de Bittencourt

 

A terceira é a da Lica Vargas

Lica

Sempre gostei muito de borboletas...

Elas sempre me fizeram pensar que não importa se você vive um dia, um mês ou um ano você não pode deixar de ver as cores que existem no mundo e nunca deixar de voar.

Por isso resolvi fazer uma borboleta. Para ficar marcado na minha pele que eu não posso desistir de ver as cores (mesmo quando elas não aparecem) e nunca parar de voar.

A segunda, que está junto tem um significado mais que especial. Ganhei ela de presente de um grande amigo (o desenho e o custo de fazê-la). Foi pensando na minha borboleta e no meu apelido que ele desenhou... Confiança, carinho, respeito e amor. Ela representa tudo isso, afinal, se não fossem todos esses sentimentos que eu encaro como para sempre não teria colocado em minha pele algo que também é para sempre.

 

Bem, amei receber estas tattoos e acabo conhecendo um pouquinho mais sobre vocês…

Ainda temos mais tattoos para postar (estou postando por ondem de chegada no e-mail) ainda esta semana!!

Se você ainda não está participando desta promoção… não perca tempo… clique na imagem abaixo e participe!! rs

bannerfilha copy

Beijocas, Math Tonionni

Participe da Brasil Game Show!!

Bom dia envenenados!


A galera do Rio de Janeiro tá com tudo e tem motivos mil para estarem prosas com isso!!rs

Já tivemos a Bienal, agora está rolando o Rock in Rio e na semana que vem começa a maior Feira de Jogos Eletrônicos da Améria latina...

Isso mesmo... se você adora um Game... não pode perder essa oportunidade!





Quer saber mais sobre o evento?? Clique na imagem e vá direto para a página oficial.


Quem prestigiar a Feira vai ter a oportunidade de visitar o estande da Galera Record!!
Eu quero ir!! rs





No gif acima você fica sabendo as datas e o local!!

Alguém aí vai?
Se for... me avisa?? Eu quero ir junto...

Beijocas, Math Tonionni 

27 de setembro de 2011

Resenha – O dia da caça – James Patterson - @editoraarqueiro


Bom dia #envenenadas!

Hoje é dia de resenha! 
E a que eu trago hoje é de A-R-R-E-P-I-A-R!





O dia da caça

 Livro: O dia da caça
Autora: James Patterson
Páginas: 224
Editora: Arqueiro
ISBN:9788580410198









Sinopse
Alex Cross está diante do criminoso mais cruel que já enfrentou

Quando o detetive Alex Cross é chamado para investigar um caso de assassinato, depara-se com a cena de crime mais terrível que já viu em toda a sua carreira: uma família inteira foi morta dentro de casa. Tudo fica ainda mais chocante quando ele descobre que uma das vítimas é Ellie Cox, sua ex-namorada dos tempos de faculdade.

Furioso, Cross decide pegar o assassino a qualquer custo

Logo depois outro crime acontece, novamente envolvendo uma família inteira, só que dessa vez alguns membros dela estavam nos Estados Unidos e outros, na África. A investigação leva a crer que o assassino, conhecido apenas como Tiger, viajou para a Nigéria. Sem hesitar, Cross vai atrás dele.

O detetive entra numa caçada implacável, numa terra sem lei


Ao chegar lá, Cross se vê diante de um terrível cenário de miséria, violência e guerra civil iminente. Sem nenhuma ajuda, ele se envolve numa luta contra a corrupção e contra uma conspiração que parece não ter fronteiras, que pode pôr em risco sua vida e a de todas as pessoas que ele ama.

FitaLateral


Resenha
         
Durante uma semana minha casa virou uma cabana para fugitivos na savana africana. Deus do céu! Como eu corri, me escondi e sofri de medo junto a Alex Cross em sua caçada pelo continente mais selvagem do planeta.

Um thriller eletrizante e carregado de suspense aguarda por você em “O dia da caça” de James Patterson – Editora Arqueiro. O autor consegue te deixar amarrado à página seguinte, sem nem sequer tê-la virado!

Alex Cross é um detetive do Departamento de Crimes Hediondos da cidade de Washington D.C. Em uma noite de plantão, ele e sua equipe são chamados para investigar um assassinato brutal acometido a toda uma família em um bairro nobre da capital. Sofrimento, mutilação, empilhamento de corpos... Muita tortura para alguém que estava acostumado a levar a morte como objeto de trabalho. Alex sabia que aquele não era um crime comum, e não também não sabia que aquele seria apenas o primeiro.

“-Algumas coisas são mais importantes do que uma única vida.” Pág. 109

Movido pela paixão por seu trabalho e também pelo drama pessoal ao ter descoberto que a matriarca da primeira família assassinada foi sua ex-namorada, o Detetive Cross mergulha de cabeça nessa busca. Os indícios da investigação acabam levando-o a Nigéria, onde gangues de assassinos de aluguel são contratadas para dizimar famílias inteiras que pagam com a vida por aqueles que ousaram cruzar o caminho dos mandantes daquele crime.

Tiger é o “nome” do homem que o Detetive Cross procura ao chegar ao continente africano.

Ele só não imaginava que Tiger também estava a sua procura.

Conspiração seria a melhor palavra para definir o que o detetive norte americano encontra por lá. E também um quadro de miséria absoluta e abusos, e uma situação em um nível inimaginável, um holocausto, que faz Alex se sentir parte daquele sistema e querer lutar por justiça e por todos aqueles que não têm quem olhe por si.
Mas aquela luta seria uma causa perdida?

O que Alex não contava é que a sua própria família poderia estar naquele jogo.

A sujeira e a corrupção iam muito além do que ele poderia supor...
“As páginas viram sozinhas”

A frase na contracapa do livro já diz tudo! Para quem curte livros com muito suspense, mistérios e conspirações eu indico!

Dá uma olhada no recado de James Patterson para os leitores brasileiros!

O autor ainda tem um hotsite! Confira!


Obrigada a Arqueiro por mais esse presente!

Leiam gente!!!
Beijos, Fê Madeira 

26 de setembro de 2011

Estantes criativas!!

Boa noite pessoal,

          Quem já segue o blog um tempinho sabe que eu adoro procurar estantes divertidas e lindas para postar por aqui!

          Hoje vou colocar aqui uma galeria de algumas estantes bem diferentes que embelezam o lar e que nos inspiram a ler.

Olha como são diferentes…

talk-bookshelves

Balõezinhos de falaaaaaaaaa…

ATgAAAByZW7GHgBOuctVhlSugtwouUKK6lYQYnW_pUVi19gdFn_Z9vz0QvVulNJyA97NONoNyVxEKoM9WK9-jSicG7v_AJtU9VC7D6J37P99vf7btIkRf0iR5Rypgw

As caixas moduladas ainda são as minhas preferidas!!

É possível criar e brincar fazendo uma estante linda no quarto ou na sala…

Olha esta árvore!

cub3

Será que é de maçã?? rs

 

cave_bookcase

Essa já vem com uma poltrona no meio… para você ficar totalmente confortável!! o.O

 

ESTANT~3

Esta é a “árvore moderna”!! Hum??

Tá… se você olhar bem… talvez consiga ver uma árvore… pelo menos tem maçã!! kakakakaka

 

Esta é a minha preferida… eu queria uma linda dessas na minha casa!!

estante-de-livros-giratoria-desideratto

É uma estante giratória feita em madeira!!

Bem…

Se alguém tiver uma estante DIFERENTE em casa e quiser mandar um foto pra gente … fique a vontade!! rs

passion extra entry

Beijocas,

Math Tonionni

25 de setembro de 2011

#1 Promo ‘Filha da tempestade’ – Primeiras tatuagens!

Olá envenenados,

Hoje trago para vocês as primeiras participações da nossa promoção envenenada “Filha da Tempestade”!

Ainda não sabe nada sobre a promoção? Então clique na imagem abaixo para saber tudo sobre ela! Inclusive as regras!!

bannerfilha copy

Já recebemos várias imagens lindas de tattoos…

Hoje vou postar duas e suas explicações!!

 

A primeira é da Caroline Garcia:

notafraid

Oi,

Essa tatuagem é da minha amiga, e acho ela super criativa e linda.

Gostaria muito de fazer ela :) Pois ela tem um significado super importante ...

Temos que aproveitar o máximo a VIDA ... SEM MEDO (not afraid)!

Beijos,

Caroline Garcia Hellmann

 

Linda!!!

 

A segunda é da Vanessa Meiser:

DSC02155

         A minha tatuagem é uma bruxinha, mas não uma bruxinha qualquer, a Morgana rebelde aí da imagem está com o bumbum de fora, rsrs.

                                                                            Motivo:
         Nasci no dia 13/02/1981 e, se forem verificar em um daqueles calendários permanentes, verão que nasci numa sexta-feira 13!!!!!
           Portanto, sou praticamente uma bruxa, pelo menos passei boa parte da minha vida fazendo de conta que era e realmente querendo ser, bruxinha rebelde sem calça, ops, sem causa, taí a explicação para a falta da calcinha na moça, hiuahiua.

Vanessa Meiser
@vanmeiser
http://balaiodelivros.blogspot.com/

 

Muito fofa esta bruxinhaaaaa… rs!!

 

Já vi que vai ficar difícil escolher a vencedora!!

Ainda esta semana posto mais duas tattoos!! Ok?!

 

Obrigada pela participação!!

Beijocas, Math Tonionni

24 de setembro de 2011

Envenenando por aí! Rock’n Rio

Hello Cali Gurls #envenenadas!!!!

envenenendo por ai rir cópia

Nem preciso dizer que a primeira noite do Rock’n Rio abalou as estruturas do planeta! E eu estava lá!!!

Rock'n Rio - 23-09-11 (4)

Infelizmente, cheguei tarde a festa… Trabalhar é preciso né! But not too late! A Claudia Leitte já tinha entrado e levantava a galera com seus hits baianos!

Rock'n Rio - 23-09-11 (18)Rock'n Rio - 23-09-11 (15) Rock'n Rio - 23-09-11 (13)Rock'n Rio - 23-09-11 (16)

Como eu já tinha ido a um show dela, reservei esse tempinho para explorar e fotografar o ambiente.

Rock'n Rio - 23-09-11 (8) Rock'n Rio - 23-09-11 (5)

Depois de desbravar a cidade do Rock, era hora de me posicionar para o show da #DIVA Katy Perry!!! Poucos minutos depois, ela desceu em uma nuvem de algodão doce e, pra minha surpresa, cantou minha música favorita: TEENAGE DREAMS!

Manolo nessa hora eu gritei muitooooo!! E cantei muitoooo!!

Essa música me traz lembranças maravilhosas…

Bem… Passado o momento out of control, Katy continuou seu show cantando seus hits e levantando a galera! Ela é muito alegre e parecia estar muito feliz!  Brincou com a platéia, chamando  e elogiando a galera o tempo todo. Fez uma homenagem linda pra gente “"vestindo” uma bandeira do Brasil! E de quebra, ainda convidou o “Juli-OH” pra brincar com ela no palco… rsrsrsrrs… #safadinha

A Katy tem os olhos azuis mais lindos do mundo!!! Mais azuis que os do Damon! JURO! E ela é uma graça; trocou de roupa várias vezes inclusive com ilusionismos, como os mágicos fazem!

Rock'n Rio - 23-09-11 (37) Rock'n Rio - 23-09-11 (33)

Rock'n Rio - 23-09-11 (54) Rock'n Rio - 23-09-11 (45) Rock'n Rio - 23-09-11 (48) Rock'n Rio - 23-09-11 (53)

 

Eu fiz esse videozinho lá! A voz #aloka é minha!!! kakakaka…. Foi bom d+!!! Inesquecível!!!

No intervalo, eu twittava para as envenenadas de plantão!!!hehehehe…

Rock'n Rio - 23-09-11 (91)

Depois foi a vez do #DIVO Elton John!!! O cara simplesmente A-HASOU!!! Tocou seu piano de cauda divinamente, cantou como nunca e estava sempre sorrindo, curtindo muito estar cantando para gente!

Rock'n Rio - 23-09-11 (63) Rock'n Rio - 23-09-11 (72)Rock'n Rio - 23-09-11 (87)Rock'n Rio - 23-09-11 (86)

Gente, o Elton John estava com um fraque leeeeendo, bem pinguim mesmo! Todo bordado nas costas e o desenho nos remetia a ninguém menos que O PEQUENO PRÍNCIPE!!!! #muitoamor

Rock'n Rio - 23-09-11 (88) Rock'n Rio - 23-09-11 (84)

E pra fechar a noite, Rihanna subiu ao palco do RiR com quase uma hora de atraso e não empolgou a galera como a gente esperava. Visto que eu saí da muvuca e fui sentar láaaaaa atrás para assistir ao show pelo telão do Multishow. (Fiquei com inveja de vocês…hehehehe)

Rock'n Rio - 23-09-11 (96) Rock'n Rio - 23-09-11 (98)Rock'n Rio - 23-09-11 (104)Rock'n Rio - 23-09-11 (103)

Mortinha com farofa, mas feliz que só, eu me despedi do Rock’n Rio. Dessa vez eu não poderei assistir mais shows porque, como é do conhecimento de todos, os ingressos encareceram bastante da última edição pra cá. Nó último RiR eu dei o ar da minha graça em dois dias. Dessa vez, só um milagre faria isso por mim… Alguém em doa um ingresso pra quinta, sexta ou sábado??? #mimimi

Espero que vocês tenham curtido essa cobertura envenenada!

Se quiser ver mais fotos do 1° dia de Rock"’n Rio dá um pulinho no meu face. ; )

Até o próximo “Envenenando por aí”!

Rock’n Kisses!

(Teenage) Fê

PS: Deixe um comentário nesse post até dia

02/10  e participe da promo relâmpago

valendo brinde do Multishow

exclusivo do Rock’n Rio

+ marcadores e botton das ENVENENADAS!!!!

O sorteio será feito pelo Random.org e o

resultado sai na segunda feira, dia 03/10!!!

22 de setembro de 2011

Resenha: ‘Cowboys & Aliens’ da Galera Record

 

          Oi pessoal, estou aqui novamente.

          Desta vez para a resenha do livro Cowboys & Aliens do selo Galera da Editora Record.

untitled

 

Sinopse

         Cowboys & Aliens (o livro e o filme) é um faroeste ambientado em 1873, no Arizona (oeste americano). Conta a história de um forasteiro sem memória, que acorda na cidade de Absolution, governada com mão de ferro pelo coronel Dolarhyde. Ao redor do pulso, o estranho com amnésia carrega um bracelete de metal. O artefato é uma espécie de senha para o inesperado ataque extraterrestre que altera a rotina e a vida daqueles que moram em Absolution.

***

          O livro, como já foi dito antes, é baseado no roteiro de Roberto Orci & Alex Kurtzman & Damon Lindelof e Mark Fergus & Hank Ostby; base para o filme homônimo.

          Já postamos aqui no blog um pouco sobre a HQ que também leva o mesmo nome e que foi a origem de tudo… por que foi baseado nela que o filme aconteceu!

          Leia a resenha da HQ clicando aqui!

          Para quem gosta de um bom wersten ou uma história com aliens, esse livro vai agradar. E para quem não curte muito essa vertente de literatura, é uma boa pedida também.

          Vou explicar por que.

          Primeiro, porque todos aqueles elementos de histórias do velho oeste estão ali: a cidadezinha no meio do nada, o salloon, os índios (nesse caso, os apaches), o xerife e seus ajudantes e, é claro, os vilões, arruaceiros e beberrões de plantão e suas confusões e o dono da cidade, o coronel que manda no lugar e o que ele diz se torna lei.

          Têm os alienígenas nada amigáveis, as naves de assalto, mais alienígenas, a nave-mãe, armas de raio, e mais alienígenas ainda.

          A história é dinâmica e bem amarrada, os capítulos formam uma sequência perfeita e como se você estivesse vendo um filme.

          Isso se dá devido à competência da autora Joan D. Vinge, que possui experiência em outros romances baseados em filmes também, como Perdidos no Espaço, Ladyhawke, Willow entre outros. Ganhou dois Prêmios Hugo de ficção cientifica com os romances A Rainha da Neve (Snow Queen) e Olhos de Âmbar, este em 1977, além de ser indicada outras várias vezes; demonstrando sua grande competência.

          A leitura é gostosa e nos deixa sedento pelo próximo capítulo, todos eles dinâmicos e cheios de sequências de ação, momentos engraçados, reflexões dos personagens e uma ótima descrição dos ambientes e pano de fundo para a trama.

          A apresentação e a encadernação do livro estão ótimas, além da capa muito bem ilustrada.

          Para quem viu o trailer do filme ou assistiu ao mesmo, ver Harrisson Ford com aquele chapéu e não se lembrar do seu personagem Indiana Jones é quase impossível. Mas isso é porque você ainda não conhece o Coronel Dolarhyde... só não o chame de Coronel na frente dele!

          A relação entre Jake e Ella é um caso a parte. Se você gosta de um romance à moda antiga em meio a batalhas, você também vai gostar.

          Cada personagem tem seu charme e sua grande importância na trama.

          O enredo se completa totalmente com os demais elementos da história: a união para defesa do território e o enfrentamento de um inimigo comum, os momentos de introspecção dos personagens e busca por redenção, ainda que inconscientemente.

          A história os conduz a momentos decisivos, onde as escolhas que eles fizerem vão determinar o futuro deles e de todos ao redor.

          Vale para quem viu ou não viu ainda o filme.

          Mas se você for como eu, não importa a ordem, vai querer ter os dois.

          Boa leitura!

Victor M. Assis

(Irmão da Math e assessor cinematográfico para assuntos envenenados)

21 de setembro de 2011

Quer ganhar o livro ‘Filha da Tempestade’? Nos mande uma tattoo!!

Boa noite envenenados,

Mais uma promo entrando no ar hoje!!

E o livro é de babar…

Eu li, amei e recomendo muuuuuuuuuuuuitooooooooo!!

bannerfilha copy

Filha da Tempestade é o primeiro livro da série Dark Swan da nossa queridíssima autora DIVA Richelle Mead.

Dark Swan é uma série literária voltada mais para um público maduro e conta a história de uma terra dividida em reinos com embates entre monarcas, num ambiente carregado de magia, sensualidade e luta pelo poder.

A Editora Agir que está publicando a série… confirmou que todas as cenas calientes serão mantidas em todos os livros (Salve a editora Agir!!), ao contrário do que acontece com muitos livros e editoras que cortam algumas partes mais apimentadas.

Repetindo…

O livro é para adultos!!!

Isso quer dizer que ele tem cenas pesadinhas que podem chocar (O.O) algumas almas inocentes!!

Tá duvidando??

Então, lê a contracapa do livro… e me diz se não é caliente???

23836969_1

Leu?? Affffffff… Eu não tenho mais nada a comentar…

Corre e lê a resenha que nós já publicamos aqui no blog!

 

Então… a promoção é um pouco diferente!!

É uma daquelas que eu adoro fazer aqui no blog e que já um tempinho não faço… Vamos lá:

 

Para participar é simples… preste atenção!

A protagonista Eugenie tem várias tatuagens no corpo e cada uma delas tem seu significado!

Sem elas seria impossível que Eugenie se comunicasse e até visitasse o Outro Mundo.

 

Você, tem alguma tatuagem?

O que ela significa ou representa?

Não tem?

Qual teria e por quê?

 

Nos envie por e-mail uma foto bem legal da sua tatuagem junto com a explicação de sua representação ou significado!

Ou então nos envie um desenho ou uma imagem da tatuagem que você gostaria de fazer, nos explicando o porque!!

Todas as fotos enviadas serão publicadas aqui no blog e a mais interessante ganha a promoção!!

 

blogdasenvenenadas@hotmail.com

 

Regras gerais:

1. Seja um seguidor publico do blog se cadastrando ao clicar no botão PARTICIPAR DESTE SITE no lado esquerdo da página.

2. Tenha um endereço de entrega de postagem no Brasil.

3. Só uma foto ou uma imagem será válida para participar. Escolha com cuidado!

Por favor envie o e-mail com o título: Filha da Tempestade

4. Deixe um comentário neste post com o seu nome e o nome de seguidor que aparece na lateral!

(Confira se você realmente segue o blog!! Algumas pessoas não estão ganhando porque não são seguidoras!)

 

O livro é uma cortesia da Editora Agir e será enviado ao vencedor pela editora!!

Boa sorte!!

Beijocas, Math Tonionni

20 de setembro de 2011

Resenha: A Fera – Alex Flinn - @galerarecord

Bom dia #Envenenadas,
Hoje trago a resenha de um livro que eu já havia lido em E-Book e que gostei muito!
A Alex Flinn foi tão fofa escrevendo, a Galera Record caprichou tanto na capa e o Alex Pettyfer é tão gatinnho fazendo o Kyle Kingsbury que vale a pena ler de novo! O livro de hoje é…

A Fera
Autora: Alex Flinn
Páginas: 320
Editora: Galera Record
ISBN: 978-85-01-09021-8


Sinopse:
“O livro de Alex Flinn é uma adaptação moderna do conto de fadas A Bela e a Fera. Ao invés de castelos e relógios falantes, o cenário é a cidade de Nova York. A arrogância do protagonista Kyle Kingson, um jovem rico e inteligente, faz com que ele seja amaldiçoado pela colega de classe Kendra após humilhá-la na frente de toda a escola. Transformado numa aberração e rejeitado pelos pais, Kyle passará uma temporada exilado no Brooklyn, onde precisará descobrir a beleza em si e só assim, possivelmente, quebrar a maldição. A fera (Beastly) estreia nos cinemas brasileiros em agosto, com Vanessa Hudgens, Alex Pettyfer e Mary-Kate Olsen nos papéis principais.
O filme estreou nos Estados Unidos em 6 de março levando imediatamente o romance para a lista de mais vendidos do New York, na qual permaneceu por 18 semanas consecutivas.
Vanessa Hudgens recebeu o prêmio Estrela do Amanhã na Convenção de Cinema de Los Angeles por sua atuação no filme.”

“Uma rosa pode mudar sua vida” Pág. 122
Todo mundo ama estórias de amor. As emoções fazem parte da nossa vida, são as engrenagens de uma máquina maior chamada FELICIDADE.
Nesse pacote de sentimentos podemos incluir a generosidade, as boas ações e a beleza interior. Aquela em que o indivíduo carrega suas qualidades independente do que aparenta ser externamente.
Algumas pessoas são tão superficiais que se preocupam apenas com o dinheiro, a aparência, a posição social que alguém pode ocupar ou os benefícios que aquela pessoa poderá trazer para sua relação. Outras são tão preciosas e desprendidas que conseguem enxergar “muito além do arco-iris”.
Utilizando-se do conto de fadas dos Irmãos Grimm, a Bela e a Fera, Alex Flinn conta em seu livro como os adolescentes de hoje em dia se perdem diante de tantas possibilidades, esquecendo os verdadeiros valores da vida.
Kyle Kingsbury era um adolescente arrogante e absolutamente consciente de sua beleza. Seu pai, um famoso jornalista, ensinou-lhe a arte de ser prepotente e mostrar superioridade, seja através da beleza, fama ou posses. Kyle cresceu em um mundo onde o supérfluo era tratado como o mais importante e onde a felicidade podia ser comprada com dinheiro.
Anos vivendo em universo fútil, fez de Kyle fruto do seu próprio meio. Ele diminuía as pessoas, as constrangia com seu comportamento e sentia prazer em humilha-las. Até que um dia, resolveu brincar com a pessoa errada: Kendra.
Por seu mau comportamento, Kendra – a bruxa –, deixou Kyle sob um maldição terrível, tirando aquilo que ele julgava mais importante nas pessoas: sua aparência. Kendra usou seus poderes e transformou-o em Fera, furtando-o de sua beleza e de todas as suas possibilidades de socialização.
“É maravilhoso quando a vida lhe dá uma segunda chance” Pág. 300
Mas a bruxa tinha um propósito bem maior: mostrar a Kyle o valor que as pessoas carregam dentro de seu coração, independente da aparência ou dos bens materiais. E deu a ele um prazo de dois anos para que pudesse encontrar um amor verdadeiro que o beijasse e enfim quebrasse a maldição.
Sem poder contar com a ajuda de seu insensível pai e totalmente desacreditado de seu futuro, Kyle se muda para uma casa no Brooklyn e vai morar com sua empregada e um tutor cego. Pessoas aparentemente simples porém fundamentais no seu processo de conhecimento e transformação.
Em seus momentos de solidão, Kyle navegava na internet. Em suas pesquisas descobriu uma sala de bate-papo que julguei ser uma das sacadas mais originais da escrita de Flinn. Nesta sala ele encontra personagens do escritor dinamarquês Hans Christian Andersen e dos alemães Irmãos Grimm. Kyle, como Fera-NY, divide suas angústias com Sr. Anderson*, com um sapo que era príncipe, com a Pequena Sereia, entre outros. Todos falam das dificuldades encontradas em seus próprios contos de fadas e como em um grupo de apoio onde Sr. Anderson é o mediador, buscam as soluções para obterem um “final feliz”.
Então um belo dia Kyle conhece Lindy...
E aí a história recomeça!
Através de metáforas bem atuais e uma adaptação bem moderna, Alex Flinn usa e abusa de inferências da literatura e dos próprios elementos da fábula escrita pelos Grimm, recheando sua trama com ternura, caridade e generosidade em uma leitura simples e deliciosa.
Ao final do livro a autora conta um pouco de sua pesquisa para a criação da sua estória e também cita diversos autores famosos que recontaram o conto de fadas: Charles Perrault, Jean Cocteau, Beaumont e Villeneuve. Acredita-se que o mito grego de Eros e Psiquê seja variação mais antiga deste conto.
*Como citado acima, eu já havia lido anteriormente este livro em E-book. E notei um detalhe bastante relevante: sempre que Kyle entrava na sala de bate-papo o mediador era Sr. Andersen. Acredito que autora tenha escolhido esse nome para fazer uma referência com o famoso escritor de fábulas Hans Christian Andersen, pai de muitos dos personagens dos contos de fadas. Creio que no momento da edição, o tradutor não prestou atenção nesse detalhe tão sutil e, talvez, por um erro de digitação, colocou Sr. ANDERSON ao invés de Sr. ANDERSEN, fazendo se perder um “trocadilho” tão inteligente da autora.

          Obrigada a Galera Record pelo livro!
Tenho certeza que vocês vão amar! Estórias de amor são sempre maravilhosas!
Aproveita e dá uma espiadinha no trailler do filme. É apenas uma sugestão, já que alguns elementos importantes do livro foram beeeeem modificados. Rsrsrsrs… Vale pelo romance e pelo Alex Pettyfer!
 Hum… Eu vi!!! E adorei! A Olsen está arrasando!!!
Beijocas!
Fê Madeira

Ou receba as atualizações no seu email:

Delivered by FeedBurner

Posts Recentes

Últimos Comentários

As envenenadas pela maçã Ѽ by TwilightGirls RJ Ѽ - Copyright © 2012 - Todos os Direitos Reservados