4 de maio de 2011

Resenha: “A Canção do Súcubo”– Editora Essência

Oi envenenadas,
Hoje trago para vocês mais uma resenha de um livro que eu amei!!
Não sei o que é mais difícil… escrever sobre um livro que eu não gostei ou escrever um livro que eu gostei demaaaaaaaaais!! rs
Bom… no final de abril… li o primeiro livro da série Georgina Kincaid escrita pela autora DIVA Richelle Mead. Ela é uma autora conhecida no meio sobrenatural, pois escreveu a série Academia de Vampiro (MA-RA-VI-LHO-SA).
Essa é uma série bemmmmm diferente da série Academia de Vampiro. Não é uma série infanto-juvenil, a série Georgina Kincaid é mais adulta, bem elaborada e sem sombra de dúvidas para um público mais velho!
Vamos à resenha:

CanoScubo


A Canção do Súcubo

Livro: A Canção do Súcubo Série: Georgina Kincaid
Autor: Richelle Mead
Páginas: 299
Editora: Essência
Tradução: Martha Argel
 
 
 
 
Sinopse:
 “Quando se fala de empregos no inferno, ser um Súcubo parece bastante glamuroso.
Uma garota pode ser qualquer coisa que ela quiser, o guarda-roupa é de matar e homens mortais farão qualquer coisa por apenas um toque. Claro, eles geralmente pagam com suas almas, mas por que ser tão técnico? Mas a vida da Súcubo de Seattle Georgina Kincaid é muito menos exótica.
Seu chefe é um demônio de médio escalão com uma queda por filmes do John Cusack. Seus melhores amigos imortais ainda não pararam de provocá-la por causa da vez em que ela se transformou na Deusa Demônio, completa, com chicote e asas. E ela não Ao menos ela tem seu emprego diário em uma livraria local, toma todos os cafés mochas de chocolate branco que ela conseguir tomar e tem acesso fácil ao sexy escritor de bestsellers, Seth Mortensen: Aquele por Quem Ela Daria Tudo Para Tocar mas Não Pode.
Mas os sonhos sobre Seth vão ter que esperar. Algo estranho está acontecendo no submundo demoníaco de Seattle. E, dessa vez, todos os seus charmes e cantadas não vão ajudá-la porque Georgina está para descobrir que há algumas criaturas que tanto o Céu quanto o Inferno querem negar…”

 
O livro conta a história da súcubo, Georgina que é uma imortal e vive entre os humanos a muitos séculos.
 Pausa para o Aurélio:
Súcubo (s.m.) – Fascinante criatura do mau, do sexo feminino.                                               Capaz de mudar de forma; seduz e dá prazer a homens mortais.
Ela é um demônio que prefere levar uma vida ‘quase humana’. Sua habilidade de adquirir qualquer forma, incluindo a mudança do figurino e de maquiagem, facilita bem a sua vida tornando-a uma mulher poderosa e glamurosa. Ela tem todos os homens aos seus pés… Mas tudo tem seu preço… cada troca de ‘imagem’ faz com que sua reserva de energia súcubo se esgote bem rapidamente, por isso, apesar de ser uma garota a moda antiga e trocar de roupa ou se maquiar como todas as mortais… precisa ‘atacar’´para sobreviver!!
Georgina trabalha como subgerente em uma livraria e sua paixão por livros é exaltada constantemente, assim como a sua luta contra ser um demônio e sua teimosia em não atacar tanto os homens. Seu trabalho como um ser humano normal é só um disfarce…. já que seu trabalho verdadeiro é o de arrecadar almas para o inferno!! Isso mesmo!! Como súcubo, o papel de Georgina é provocar uma atração fatal nos homens fazendo com que eles fiquem loucos e dispostos a fazer qualquer coisa para tê-la, incluindo a venda de suas almas ao inferno.
Ela só ataca os cafajestes e mentirosos sem moral… (Entende-se ‘atacar’ por ‘você sabe o que!!’) pois, assim consegue uma cota de energia suficiente para viver e também porque suas almas já estão meio que condenadas e eles já tem um pezinho lá no inferno mesmo. Rs!! Se o homem é honesto e bom caráter… a quantidade de energia que consegue dele é bem maior, mas o dano à sua alma também é.
Georgina tenta levar uma vida tranquila e longe de problemas, mas isso não é fácil quando se é um demônio e quando se tem amigos pra lá de sobrenaturais como os vampiros e os duendes! Pra complicar ainda mais… um assassinato de um vampirão importante na cidade acaba por acontecer e quem é a suspeita número um??
A narrativa é deliciosa e a história tem de um pouco de tudo do que a gente gosta: informações relevantes e importantes sobre o passado de Georgina, seu dia a dia na livraria, sua paixão desenfreada por um autor famoso que escreve particularmente bem, romance, sexo, demônios, anjos, a luta entre o bem e o mal, mentiras, intrigas, investigação (a Georgina é boa nisso), vampiros, duendes, dança, paixão… eu já falei sexo?? Aafffffff!!
O livro é envolvente e uma ótima pedida para fugir um pouco da temática adolescente sobrenatural!
A série Georgina Kincaid já conta com seis livros nos EUA: Succubus Blues (A Canção do Súcubo), Succubus on Top (O Poder do Súcubo), Succubus Dreams, Succubus Heat, Succubus Shadows e Succubus Revealed.
 Os três primeiros livros da série já foram lançados aqui no Brasil pelo selo Essência, da Editora Planeta, e pode ser encontrado nas livrarias!!
Eu adorei o livro, mas não a capa!! Tive que colocar uma capinha de pano que ganhei de uma amiga para levá-lo para baixo e para cima, já que todo mundo que via a capa ficava comentando e eu não estava com paciência para ficar explicando do que se tratava a historia!
Recomendadíssimo meninas!! Já estou lendo o segundo livro da série!! rs
    Beijos,
       

21 comentários:

  1. É Math, assim como você, eu não gostei da capa! Me deparei com o livro váááárias vezes (quando fui pagar minhas contas na livraria. rsrs), mas não comprei por que não gostei da capa.
    Maaaas... com você falando tão bem assim, terei que ler.

    Adorei sua resenha, fácil e gostosa de se ler!

    E como dizem: "Nunca julgue um livro pela capa".

    Beijos!

    ResponderExcluir
  2. Bom vamos combinar ... a Georgina é sexy e demoniaca ...mais precisa deixar o demonio em evidencia? A cada é meio estranha .... hauhauaua e já passei por isso do povo ficar olhaando para capa e fazendo cara de =O no onibus hauhauahua ...

    Eu quero ler esse livro mais não sei quando vou ter tempo ($$$) para comprar

    ResponderExcluir
  3. menina :O livro mais ousado né? Já inha ouvido falar muito dele e achei a história diferente
    fiquei meio com o pé atrás e tudo mais hsahuas
    mas não gostei da capa :O coonfesso huauhas
    mas deve ser bacana o livro e o tema é diferente...nunca vi livro com súcubo kkk apesar de já ser o bom e velho sobrenatural.
    parabens pela resenha. adorei :D
    beijos

    ResponderExcluir
  4. Eu gosot de todas as capas dessa série! Ainda não li, mas tenho os 3 lançados e vou ler! Richelle para mim é Richelle! E Math falando tão bem assim é porque não devo estar com expectativas enganadas!

    ResponderExcluir
  5. eu tenhooooooooo que ler esse livro
    adoorei a resenha

    ResponderExcluir
  6. Ainda não li essa série da Richelle, mas preciso ler porque fiquei muito curiosa depois de ler a resenha.

    ResponderExcluir
  7. Adorei a resenha. Aquele livro: " O pode do Súcubo", eu não gostei da capa... Essa aí está mais bonito =)

    ResponderExcluir
  8. Gostei da resenha, mas a capa, realmente, não ajuda a 'vender' o livro, não... achei bem sem graça, pra não dizer feia mesmo hahahaha
    Bom, no momento, minha cota de livros vampirescos está esgotada, talvez mais pra frente eu leia.

    Bjs, #envenenadas!
    @BobbyDupeaGirl

    ResponderExcluir
  9. AAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAA
    Porque eu fui ler sua resenha????
    Tipo, eu já queria muito ler esse livro, mas agora?
    Muito mais!!!!
    E é sério... Eu li... tudinho....
    E amei *-*
    Pena que é tão caro!!!!
    Vai ter promo???? Eu querooooooooooooooooooooooo

    Nossa, vampiros, demonios, anjos e duendes?
    Curiosa para ver os duendes da Richelle.
    E os vampiros desse livro, seguem mais ou menos a linha de VA?
    To amando a narrativa da Mead em VA... Prometo terminar logo para conversarmos mais sobre o Dimitri delicia, viu Math?

    Ahazou amiga!!!!!!
    Já disse que adorei a resenha? E que estou ficando desesperada por esse livro?
    Ok... parei!!!

    ResponderExcluir
  10. Gente, eu não dava nada, absolutamente NADA por esse livro!:O Só por causa dessa capa que pra mim é horrorosa!! Mas depois de ler o release do livro e a sua resenha Math, realmente esse livro parece ser MUITO BOM!! Adoro coisas sobrenaturais e amei a parte de ter duendes no livro, geralmente os livros que eu leio de sobrenatural nunca falam de duendes, achei interessante a autora ter colocados eles no livro!! Com certeza vou querer ler esse livro!! Ótima resenha Math!!
    Beijos Débbie
    http://loucospor-livros.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  11. A-DO-REI, simplismente um show, deu ate agua na boca agora por este livro, com certeza ja esta na minha lista para compras!!! ♥

    ResponderExcluir
  12. Gostei! Pela resenha me pareceu que esse livro foge completamente da, já batida, temática sobrenatural adolescente. Todas as resenhas que li sobre o livro falam muito bem dele e deixam claro que não é um 'romance adolescente'. rs Enfim, quero muito ler esse livro.

    ResponderExcluir
  13. Hummm... Realmete a capa não é nada atrativa. Passei direto por ele na livraria, quebrei a cara...rsrsrsrs
    Livros com contos sobrenaturais são a minha fraqueza e esse é bem diferente dos que eu já li!
    Fiquei com gostinho que quero mais!

    ResponderExcluir
  14. Bom, a capa não é lá essas coisas não, mas pela resenha parece ser um livro bom.
    Essa mulher é meia maluca, foi essa a conclusão que tirei, mas é sobrenatural né.
    Uma aventura interessante.

    ResponderExcluir
  15. Tô louca pra ler essa série!
    Bom saber que a autora escreveu algo mais adulto, sem esses mimimis que tem por aí de vampiro.

    E realmente a capa não é tão atrativa, mas creio que conteúdo seja.

    ResponderExcluir
  16. Hahahahaha!
    O livro parece ser ótimo mesmo =]
    E quanto a capa.. bom.. não achei tão ruim assim, rs
    Mas opiniões de experts são as que vale=P

    Eu queroooo ler esse livro muito!
    Beijooo!

    ResponderExcluir
  17. Nossa!
    esse livro deve ser muuito boom!
    *-----*
    vai pra minha lista de livros ;D

    ResponderExcluir
  18. Eu também não gostei dessa capa aí.
    Mas achei interessante essa história dela sair por só atacando os homens, hahaha.
    Já li outras críticas boas do livro, sem falar que é Richelle Mead, tenho que ler depois de ler VA.

    Bye

    ResponderExcluir
  19. Ah capa eh meio estranha msm... mas o livro deve ser mtmtm bomm!!

    ResponderExcluir
  20. Gostei muito da resenha. Mas essas séries são enormes né? Pelo amor de Damon...não aguento comprar taanto livro!! rsrs
    Nem gosto, mas vou ter que apelar para os ebooks.
    Me lembrou um pouquinho a personagem Bo, do seriado Lost Girl *-*.
    Quero ler.

    A capa é meio estranha.rs

    Beeijo

    ResponderExcluir

Destile seu veneno, comente!

Ou receba as atualizações no seu email:

Delivered by FeedBurner

Posts Recentes

Últimos Comentários

As envenenadas pela maçã Ѽ by TwilightGirls RJ Ѽ - Copyright © 2012 - Todos os Direitos Reservados